Triturador-de-Para-Brisa

Alunos inventores do Colégio 28, sem apoio podem ficar fora da Feira Nacional de Ciência e Tecnologia

Share Button

Triturador-de-Para-BrisaOs alunos inventores do “Robô Triturador de Para-brisa”, da Escola Estadual 28 de Novembro na cidade de Ouro Preto do Oeste estão correndo o risco de não participarem do “MILSET BRASIL 2016” (Movimento Nacional para atividades de lazer em Ciência e Tecnologia) que vai acontecer nos dias 17 a 21 de maio na cidade de Fortaleza (CE), por falta de empenho governamental.

A professora Maria das Graças Lopes, orientadora e responsável pela coordenação do projeto, em conversa com nossa reportagem, sente morosidade por parte do governo de Rondônia em inscrevê-los no MILSET BRASIL 2016, já que dependem do pagamento referente à passagens, estadias e alimentação por quatro dias, para quatro integrantes, incluindo a coordenadora e até o presente momento, os pagamentos ainda não haviam sido confirmados.

Para chegar à Fortaleza, a professora e coordenadora Maria das Graças juntamente com seus alunos, venceram várias etapas. Como, provavelmente em todas as escolas tem na programática a metodologia – Aprendendo com a Robótica, a professora da escola 28 de Novembro dividiu seus alunos do 6º ao 9º ano em grupos, para criarem algo com o tema: “Diminuir o impacto ambiental causado pelos resíduos ao solo”.

Para sua surpresa o grupo 05 que estavam engajados em novas pesquisas, sugeriu não usar as ilustrações dos livros didáticos e criar algo diferente, e surgiu a brilhante idéia do “Triturador de Para-brisa”, já que o vidro é um dos lixos que leva mais tempo para sua degradação na natureza, podendo levar mais de um milhão de ano.

Pensando assim, o para-brisa que é constituído por duas grossas lamina de vidro, separadas por uma película de Polivinil Butiral (PVB) para unir as lâminas, sem duvida levaria muito mais tempo para se degradar.

Dai por diante, os alunos: Francis Nepomuceno Souza Junior, de 13 anos, Ester Icidici Leal Furtado e Maurilio da Silva Lenk Junior, de 12 anos, do 7º e 8º ano, se dedicaram no projeto da criação e construção de um protótipo, que além de triturar o vidro, ainda o separaria do adesivo colante.

O objetivo era montar e programar um robô utilizando “Kit Lego”, juntando, teoria e pratica através de montagem e programação, buscando solucionar problemas reais em um ambiente de aprendizagem criativo, e desenvolver nos alunos conceitos psicomotores, afetivos e conjuntivos, levando-os a adquirirem melhores compreensão do mundo tecnológico envolvendo a ciência em seu cotidiano.

Os alunos foram além, construíram o robô triturador de para-brisa e separador da película colante, adaptando uma programação refinada, para que o robô recebesse os comandados por um celular.

Durante a construção do “robô protótipo que foi batizado pelo o nome de Triturador de Para-brisa”, a professora Maria das Graças, ainda coordenou a invenções de mais quatro grupos que criaram: um Caminhão de Lixo; um Compactador de Lixo; uma Esteira para Lixo e uma Mão Mecânica para recolher o lixo.

Todas as invenções foram inscritas na 1ª Amostra Tecnológica na Educação de Ouro Preto, entre todas as escolas participantes, o “Triturador de Para-brisa” foi o escolhido para representar a cidade na Feira Rondônia Científica de Inovação (FEROCIT), que ocorreu em dezembro (2015), na cidade de Porto Velho, conquistando o primeiro lugar.

Agora a Escola Estadual 28 de Novembro tem a chance de representar nossa cidade e o estado de Rondônia no “MILSET BRASIL 2016”.

A diretora (Rosiene Lubiana) juntamente com parte do corpo docente da Escola 28 de Novembro, os alunos inventores e a coordenadora do projeto, compareceram na ultima segunda-feira (28) na Sessão da Câmara Municipal de Vereadores. A professora Maria das Graças e seus alunos, explicaram minuciosamente o projeto: mostrou o funcionamento do equipamento, bem como a sua importância junto ao meio ambiente, além de deixar todos os parlamentares cientes dos acontecimentos.

Os mesmos se comprometeram ajudar, e agora esperamos que juntem forças com o executivo e o deputado representante do município e intervenham junto ao governo do estado, para que estes alunos não fiquem fora da MILSET BRASIL 2016, que seria uma grande decepção aos nossos pequenos gênios.

FEROCIT – É uma feira científica de inovação e tecnologia que foi criada com o objetivo de popularizar e incentivar a ciência em Rondônia.
MILSET BRASIL – É uma organização de juventude politicamente independente, que visa desenvolver a cultura científica entre os jovens através da organização de programas e ciência-tecnologia, incluindo feiras de ciências, campos de ciência, congressos e outras atividades de alta qualidade.

 

 

Por: Wellington Gomes
Esporteenoticia.com

 

Commentarios


Este Post Foi Útil:

0 votes, 0 avg. rating

wellington gomes - .

Share Button

Jornalista

Commentarios