quinta-feira, dezembro 1, 2022
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
InícioColunistasDentista encontrada morta em carro é Raquel da Silva Moura Medeiros, 41,...

Dentista encontrada morta em carro é Raquel da Silva Moura Medeiros, 41, será enterrada hoje na cidade de Ariquemes

Será enterrada hoje, em Ariquemes (RO), a dentista Raquel da Silva Moura Medeiros, 41, encontrada morta dentro de um carro na BR-364 nesta terça-feira, em Ariquemes (RO), na última terça-feira (18), após o veículo que ela conduzia capotar em uma ribanceira, dois dias antes. Ela foi velada ao longo da madrugada de hoje, na capela da Acia (Associação Comercial e Industrial de Ariquemes).

A profissional de saúde era natural do município de Ji-Paraná, a 370 quilômetros da capital Porto Velho, e se formou na Faculdade de Ciências Biomédicas de Cacoal no ano de 2013, informou o Conselho Regional de Odontologia de Rondônia, em nota de pesar.

RJ: Mulher resiste a prisão por injúria racial e é carregada em cadeira

Segundo o perfil de Raquel nas redes, ela tinha especialização em ortodontia e também trabalhava com harmonização orofacial e odontologia hospitalar. Ela compartilhava registros de participações contínuas em cursos de qualificação não só em Rondônia, mas em outros estados brasileiros, como no Rio de Janeiro.

Raquel trabalhava desde 2017 em uma Unidade Básica de Saúde do município de Ariquemes, onde morava. Em nota, o município declarou “profundo pesar”. “Era querida por pacientes e colegas de trabalho”, disse o órgão.

No TikTok, plataforma na qual publicava com frequência, Raquel fazia publicações de viagens, momentos de lazer com amigos e família, idas à academia e do resultado de procedimentos estéticos e odontológicos feitos em clientes.

Um dos últimos registros de viagens da dentista foi publicado em março. “Livre igual um pássaro, pronta para voar”, disse na legenda de um vídeo andando de paramotor em Alagoas.

Se o movimento nas redes sociais de usuários do município, na segunda-feira (17), era de mobilização para que o paradeiro da mulher, que deixou de fazer contato com família e amigos, fosse descoberto, em menos de 24 horas, as manifestações passaram a ser de lamento e homenagens.

“Com esse seu jeito alto astral, cheia de energia, com a garra de uma águia, me fez ver que a vida foi feita para ser vivida. Me devolveu a dignidade. Hoje nos deixa, mas com a certeza do dever cumprido”, afirmou uma amiga.

“Vá com Deus e olhe por nós aqui na terra, minha capivarinha branca”, afirmou uma colega. “Você se foi muito cedo, mas creio que Deus te dará um bom lugar aí”, disse outra.

O acidente

Raquel da Silva Moura Medeiros tinha saído de Ji-Paraná por volta das 22h de domingo (16) e passou dois dias desaparecida. O carro que ela dirigia foi visto pela última vez cerca de 20 minutos depois de ela começar a viagem, em registros de câmeras de segurança da rodovia.

O corpo dela foi encontrado dentro do veículo, um Onix Branco, que capotou após descer uma ribanceira às margens da estrada e ficou escondido em meio à vegetação. Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal), as investigações iniciais apontam que Raquel sofreu um acidente de trânsito, com as buscas sendo dificultadas pela área em que o veículo capotou.

 

Por: UOL/São Paulo
Esporteenoticia.com

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments