sexta-feira, maio 24, 2024
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
InícioCampanhaNovos golpes em motoristas nos postos de combustíveis; confiram quais são os...

Novos golpes em motoristas nos postos de combustíveis; confiram quais são os mais comuns que podem ser aplicados na hora de abastecer

Criminosos e pessoas desonestas se aproveitam da fragilidade e da ignorância de outras pessoas para tirar vantagem delas. Esse é o caso dos golpes nos postos de combustíveis que foram relatados por consumidores e pela própria polícia de vários estados brasileiros.

Para evitar que você seja a próxima vítima, separamos algumas dicas simples, mas eficientes, que vão te ajudar a não cair em golpes nos postos de combustíveis.

Quais são os golpes nos postos de combustíveis mais comuns de serem aplicados?

Os golpes mais comuns de serem aplicados dentro de postos de combustíveis são os seguintes:

1 – Golpe da troca de óleo
Se algum frentista já te ofereceu o serviço de troca de óleo, verifique qual é a quilometragem indicada pelo mecânico da última troca e certifique-se da data de validade. Não existe necessidade nenhuma de trocar o óleo do poder antes do prazo, que costuma ser de 1 ano ou de 10 mil km rodados. Aliás, esses números são estabelecidos com uma larga margem para evitar problemas.

2 – Abastecimento com “ar”
Quando você for abastecer o carro, procure checar o valor e a quantidade de litros abastecidos em seu veículo. Há relatos de bombas adulteradas que injetam ar junto com a gasolina ou com o etanol. Isso faz com que o valor aumente, mas a litragem é menor do que a correta. Esse é um dos golpes nos postos de combustível que ocorrem de maneira sutil.

3 – Aditivo no combustível
Você precisa e nem deve colocar algum tipo de aditivo químico no combustível. Especialistas em mecânica advertem que, além de desnecessário, o produto pode ser bem caro e causar prejuízos. Caso queira, prefira abastecer com gasolina aditivada.

Atenção!
Por fim, vale ressaltar que se você sentir que está sofrendo golpes nos postos de combustíveis, acione a Polícia Militar, pelo telefone 190. Também existe a ligação para o 181 da Polícia Civil. É um direito seu exigir um teste para comprovar a qualidade da gasolina antes, durante ou depois do abastecimento.

Procure sempre abastecer em postos confiáveis, de franquias tradicionais e que sejam indicados pelos demais motoristas.

Por: Gabriela Stahler/EditalConcursosBrasil
Esporteenoticia.com

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments